Húmus Liquido ou Biofertilizante – O tesouro da compostagem

23 de janeiro de 2023
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
Húmus liquido o tesouro da compostagem

O húmus líquido ou biofertilizante, é o verdadeiro tesouro oriundo da compostagem, um composto concentrado rico em nutrientes e sais minerais. O ácido húmico (o principal componente orgânico do solo, derivado da biodegradação da matéria orgânica morta) é um alimento básico para jardineiros naturais que procuram melhorar a qualidade e a estrutura do solo sem o uso de fertilizantes químicos. Os biofertilizantes contribuem para a relação natural entre as plantas e o solo. O principal produto de solos altamente produtivos, contendo a maioria dos compostos biológicos sintetizados por plantas e organismos. Também fornece nutrientes essenciais para melhorar a formação da estrutura do solo. Apesar dos ganhos impressionantes na produção de alimentos, a Revolução Verde não considerou a sustentabilidade.

O uso contínuo de fertilizantes químicos trouxe seus próprios efeitos colaterais, como distúrbio de resposta do solo, desequilíbrio de nutrientes das plantas, aumento da suscetibilidade a doenças de plantas e pragas de insetos, redução da vida útil do solo e acolhimento do solo e outros riscos ambientais. e hidrocarboneto da água, entre muitos outros. Para reduzir a dependência de fertilizantes químicos de alto rendimento, mas prejudiciais, os governos de todo o mundo estão trabalhando para promover e incentivar tecnologias como a diversificação de culturas, agricultura integrada, estufas e uso de biofertilizantes.

Vantagens na utilização do Húmus Liquido ou biofertilizante

  1. O uso de biofertilizantes é uma forma ecológica e sustentável de gerenciar a fertilidade do solo, a saúde do solo, o crescimento das plantas e o meio ambiente, pois são produtos naturais que contêm macro-organismos e micro-organismos vivos que reduzem o esgotamento de nitrogênio no solo e fornecem métodos agrícolas sustentáveis aumentando o rendimento de 3% para 39%.
  2. Ao contrário dos fertilizantes químicos, são mais baratos e fáceis de usar, além de exigirem menos tempo e esforço para serem preparados. Assim, pequenos agricultores podem produzir, manter, utilizar e reciclar biofertilizantes.
  3. Biofertilizantes podem ser usados ​​para uma variedade de culturas. Os benefícios são que eles são não poluentes, baseados em energia renovável, além disso, econômicos e isentos de riscos,
  4. Contudo, complementam os suprimentos de fertilizantes para atender às necessidades de nutrientes das culturas.

Como preparar o Húmus Liquido

Nunca utilize seu Biofertilizante puro, deve diluir na proporção 1 pra10, ou seja, uma parte dele para dez de água. Por exemplo, 1 litro de biofertilizante deve ser diluído em 10 litros de água, de preferencia água da chuva que é livre de cloro e flúor.

Como conservar

Em primeiro lugar, coloque em uma garrafa bem fechada e armazene em local sombreado, se possível em local escuro. Quando bem armazenado pode durar até um ano.

Como utilizar

Pode ser pulverizado nas folhas ou como rega a cada 15 dias.

 

Saiba a diferença entre Biofertilizante e Chorume no texto em nosso Blog

Biofertilizante ou Chorume?

No nosso canal do YouTube você encontra algumas dicas sobre Compostagem Doméstica e métodos sustentáveis.

https://www.youtube.com/@compostcheira

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

MINHA CONTA