Agricultura Industrial: Lobo em Pele de Cordeiro

10 de janeiro de 2023
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp
agricultura industrial

A agricultura industrial está, certamente, em toda parte. Cerca de dois terços de todos os animais de fazenda são criados em fazendas industriais (mais de 50 bilhões por ano!). Esses sistemas intensivos priorizavam a produção, criando grandes quantidades de carne, leite e ovos aparentemente baratos. Mas a agricultura industrial tem um preço. Os animais são tratados como mercadorias e muitas vezes são mantidos em condições apertadas, para que se movimentem o mínimo possível impedindo que criem músculos ou percam gordura corporal. A agricultura industrial é altamente dependente de grandes quantidades de recursos valiosos, como alimentos para animais, água, energia e medicamentos.

Impactos da Pecuária Industrial

A pecuária industrial não é ruim apenas para os animais de fazenda. É perigoso, injusto e sujo para o planeta, com implicações que vão desde mudanças climáticas e perda de biodiversidade até doenças e insegurança alimentar. A agricultura industrial é freqüentemente vista como uma solução barata e eficaz para alimentar nosso mundo, mas não é a verdade. Para cada 100 calorias de alimentos comestíveis fornecidos ao gado, obtemos apenas 17 calorias de carne e laticínios; uma perda de 83%. Em suma, as pessoas são forçadas a competir com os animais de fazenda por comida.

Bom senso é a cura para a fome

Resolver um dos maiores problemas de sustentabilidade do nosso tempo é um desafio assustador. Mas também é uma oportunidade única para abordar alguns dos desafios econômicos, ambientais e éticos mais prementes do mundo. Precisamos de uma abordagem de bom senso para alimentar o mundo. Para acabar com a competição por comida entre humanos e animais de fazenda. Sobretudo, precisamos de uma revolução na alimentação e na agricultura; uma revolução que forneça alimentos saudáveis ​​e acessíveis para todos, produzidos por sistemas agrícolas que seja mais seguro e promova o bem-estar humano e o dos animais produtivos, mais equitativo, apoiando os meios de subsistência rurais e aliviando a pobreza, tudo isso em conjunto com a proteção do Planeta Terra e seus preciosos recursos naturais, por fim, tornando o meio ambiente mais verde.

Portanto, aqui vai uma super dica de filme, Okja é um apelo contra a crueldade e os métodos brutais das grandes corporações em relação ao tratamento dado aos animais.

Filme: Okja

Okja significa: Porco mutante, são porcos geneticamente modificado para obter mais carne, gerando mais lucratividade aos criadores, está pratica (monstruosa) é recorrente da Ásia.

Está disponível na Netflix . Classificado como:  Aventura, Ficção científica, Drama

Direção: Bong Joon Ho

Roteiro Bong Joon Ho, Bong Joon Ho

Trailer

https://www.youtube.com/watch?v=GhyHd2gPLMU

Site official

https://www.netflix.com/br/title/80091936

agricultura industrial- capa filme Okja

Se você curtiu este texto, igualmente irá gostar desta leitura também ” COWSPIRACY – Documentário sobre os impactos da Pecuária” que você também encontra aqui em nosso Blog. Segue, igualmente, a mesma linha de pensamento.

COWSPIRACY – Documentário sobre os impactos da Pecuária

 

 

COMPARTILHE
Facebook
Twitter
LinkedIn
WhatsApp

MINHA CONTA